Intercâmbio em Vancouver: o que você precisa saber

O Canadá é um dos países mais escolhidos pelos intercambistas brasileiros e Vancouver é, de longe, uma das cidades mais incríveis para jovens de todos os estilos e idades.

Um dos atrativos principais de quem escolhe passar um tempo no Canadá é o valor do dólar canadense, geralmente mais barato do que o americano, mas o país tem muitos atributos que fazem toda a experiência valer a pena. Para começar, os próprios cidadãos são conhecidos pela educação e cordialidade – lá, até os ônibus pedem desculpas nos letreiros quando se esgota a sua capacidade de passageiros. A tendência do canadense de pedir desculpas por tudo tornou-se uma brincadeira conhecida mundialmente, mas não é à toa que ela existe. Eles são realmente bastante educados.

A cidade de Vancouver, em especial, tem uma grande parte da população composta por estrangeiros, o que faz com que seja um local diversificado em atrações, serviços e escolas de línguas. A cidade nunca para e você nunca ficará entediado. Há passeios para todos os gostos, desde enormes parques – como o Stanley Park que tem mais de 27 quilômetros de trilhas e 4 mil km de extensão – praias e ruas cheias de restaurantes e bares.

E a comida?

Por onde você for, encontrará diversos restaurantes orientais, já que eles representam uma grande parte da população, e, também, muitos locais que servem o famoso poutine: um prato tipicamente canadense composto de batata frita, molho e pedaços de queijo. Além disso, encontra-se comidas comuns as dos Estados Unidos, como hambúrgueres, pizzas e bastante junk food. Os hábitos alimentares são menos saudáveis quando comparados aos dos brasileiros, mas é possível encontrar legumes e frutas nos mercados.
Sendo um país com tantos intercambistas e imigrantes brasileiros, é claro que há restaurantes com comida típica do Brasil, os mais famosos são o Rio Steakhouse e o Boteco Brasil. Em Vancouver, há um mercado asiático que vende arroz e até pão de queijo assado e você pode sempre procurar comidas diferentes no mercado gastronômico da Granville Island.

Onde estudar:

Vancouver é uma cidade com uma variedade bem grande de escolas de inglês. Caso seja esse seu foco, não vão faltar opções de diversos preços e estilos.
Se sua vontade é aprender algo novo ou se especializar em alguma área da sua carreira, então pode ir para algum dos diversos Colleges que existem na cidade. Para ingressar, é necessário um nível de inglês mais avançado, pois as aulas ministradas com carga e conteúdo similar à de uma faculdade, além disso, é necessário cumprir os pré requisitos específicos do curso no qual você quer entrar. Colleges são voltados para o mercado de trabalho, quase como um ensino profissionalizante técnico. Ele dura de 1 meses até um pouco mais de 3 meses e os estudantes podem receber um visto de trabalho. Quem cursa sai com um certificado na área estudada.

Cidade dos filmes:

Vancouver é um ótimo destino para quem se interessa por cinema. Muitos filmes e séries como The Flash, Deadpool, 50 tons de Cinza e Desventuras em Série  foram e são rodados na cidade, é muito comum encontrar uma equipe de gravação ao caminhar pelas ruas.
As escolas de cinema, por isso, são muito renomadas e recebem muitos estudantes de todas as partes do mundo! A Vancouver Film School é uma das mais famosas e fica no coração da cidade. Então, se você pensa em fazer intercâmbio, Vancouver pode ser uma ótima opção! A cidade agrada a todos os gostos e vai te fazer sentir como se estivesse em casa.

Fonte:www.becoliterario.com

Chat Whatsapp