Intercâmbio na Europa? Aprenda inglês em Malta!

Quer fazer intercâmbio em um dos menores países do mundo, repleto de belezas naturais, praias, cultura e agito?
Faça as malas e vá para Malta!

A Ilha de Malta, pequeno arquipélago no mar Mediterrâneo, está situada entre o sul da Europa (a menos de 100 quilômetros da Sicília) e o norte da África (Tunísia). A língua nacional é o maltês, mas o idioma falado por todos é mesmo o inglês (britânico). Assim como a maioria de seus vizinhos, é membro da União Europeia, pertence à Zona do Euro e está 5 horas à frente do horário do Brasil. Em Malta, há excelentes opções de escolas de idiomas. Brasileiros não precisam de visto para entrar e permanecer no país por 90 dias corridos, mas é necessário a contratação de um seguro viagem com valor mínimo de cobertura de 30 mil euros – exigência do Acordo de Schengen, do qual Malta faz parte desde 2004.

Capital e principal porto de Malta, toda a cidade de Valletta foi considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1980. A cidade começou a ser construída por volta de 1530, quando os Cavaleiros da Ordem de São João, uma ordem militar católica, se estabeleceram na região com o intuito de continuar a combater os soldados otomanos após serem expulsos de Rodes. Jean Parisot de la Valette era o grão-mestre da ordem e de seu nome deriva o da cidade. Ainda hoje estão preservados mais de 300 monumentos, como palácios, catedrais, torres e a muralha que cercava a área, e isso faz da cidade um dos locais de maior densidade histórica do mundo.

Se sua intenção é se concentrar no estudo do inglês, Malta é uma excelente opção e custo-benefício. Mesmo ficando na Europa, possui um valor muito acessível de aluguel de apartamentos e transporte público barato (e de qualidade). Além disso, os intercambistas escolhem este país como destino, pois por ser pouco procurada, a imersão a língua, sem a influência de turistas, é muito maior que as demais opções.

Até para se divertir, você não terá problemas; mesmo sendo um país pequeno, Malta oferece uma excelente programação cultural com museus, teatros e monumentos históricos. Quem gosta do agito, a cidade de St. Julian’s acumula vários restaurantes, bares e pubs para um ótimo happy hour.

Fonte: www.embarquenaviagem.com

Chat Whatsapp